quinta-feira, 12 de abril de 2018

Alheira à brás


Uma maneira diferente de cozinhar a alheira, uma das riquezas da nossa cozinha transmontana.





Ingredientes:
2- alheiras (as minhas são caseiras)
400g- de batata palha de compra
1- cebola
- azeite q.b.
4- ovos
- salsa picada q.b.

Preparação:
Retira-se a pele às alheiras e desfazem-se com um garfo.
Numa frigideira grande coloca-se a cebola partida às meias luas com um pouco de azeite e deixa-se cozinhar até a cebola ficar translucida.
Junta-se a alheira, envolve-se bem e deixa-se cozinhar um pouco, mexendo-se de vez em quando. 
Acrescenta-se a batata palha misturando-se com cuidado.
Batem-se os ovos com a salsa picada.
Juntam-se os ovos batidos, envolve-se tudo muito bem e deixa-se cozinhar a gosto (mais ou menos cremoso, conforme os gostos).
Depois de pronto, deita-se numa travessa e decora-se a gosto com salsa picada e azeitonas.

Não usei sal porque as alheiras e as batatas já têm sal e também não usei alho porque as alheiras também têm alho. 

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Rosca doce de abóbora


Uma rosca recheada com o meu doce de abóbora.




Ingredientes:
(massa) 
1- saqueta de fermento de padeiro (ver nas instruções a quantidade para a farinha)  
1,2dl- de leite morno
450g- de farinha
90g- de manteiga
80g- de açúcar
2- ovos
1- pitada de sal
1- ovo para pincelar
- farinha para polvilhar
- manteiga para untar
(recheio)
500ml- de leite para o leite creme
1- carteira de leite creme 
- açúcar para o leite creme (as quantidades conforme as instruções da embalagem)
1- frasco de doce de abóbora com amêndoas
- mel q.b. para pincelar

Preparação:
Faz-se o leite creme com o meio litro de leite e o açúcar conforme as instruções da embalagem e deixa-se arrefecer por completo.
Prepara-se a massa na máquina de fazer pão, colocando-se na cuba o leite, a manteiga, os ovos, o açúcar, o sal, a farinha e o fermento e programa-se a máquina para massas.
Quando o programa terminar retira-se a massa para um recipiente enfarinhado e deixa-se levedar num local quente até duplicar de volume.
Depois da massa ter levedado, divide-se em oito partes iguais.
Formam-se oito bolas e recheia-se cada uma delas com um pouco de creme e um pouco de doce, deixando-se algum doce para pincelar no final.
Colocam-se numa forma redonda untada com manteiga e polvilhada com farinha, distanciadas umas das outras, uma no centro e as restantes ao seu redor. 
Deixa-se levedar novamente, até aumentar de volume.
Depois de levedada, leva-se ao forno a 180º, até estar cozida e dourada.
Desenforma-se ainda quente, cobre-se com o restante doce  e pincela-se com o mel para dar brilho.

quinta-feira, 5 de abril de 2018

Bacalhau à marinheiro


Um prato irresistível que pode ser servido em qualquer ocasião.





Ingredientes:
- lombos de bacalhau q.b.
500g- de amêijoas 
1/2- pimento vermelho
1- cebola grande
1- dente de alho
1- colher de sopa bem cheia de polpa de tomate
1dl- de vinho branco
1- jorro de vinagre
1,5dl- de azeite
- sal q.b.
- farinha q.b. para passar

Preparação:
Demolham-se as amêijoas numa tigela com água temperada de sal, até ficarem limpas. Descasca-se a cebola e o dente de alho, corta-se a cebola em meias luas e pica-se o alho.
Seca-se o bacalhau, passa-se por farinha e leva-se a fritar de ambos os lados numa frigideira com o azeite. 
Retira-se e reserva-se o bacalhau, rejeita-se metade do azeite e retiram-se todas as impurezas deixadas pelo bacalhau, adiciona-se a cebola e o alho à frigideira e deixa-se refogar até que fique macio. 
Arranja-se o pimento, corta-se-o em tiras finas, junta-se à frigideira e deixa-se refogar mais um pouco até ficar cozinhado.
Adiciona-se a polpa de tomate e as amêijoas bem escorridas, envolve-se, rectificam-se o temperos, tapa-se e deixa-se cozinhar até as amêijoas começarem a abrir. 
Rega-se com o vinho branco e com o vinagre e deixa-se cozinhar até o vinho  evaporar e o molho apurar.
Colocam-se as postas de bacalhau numa travessa, deita-se o molho das ameijoas por cima e serve-se acompanhado com batatas fritas.

terça-feira, 27 de março de 2018

Bolo de vinagre com massa folhada, morangos, chantilly e doce de ovos







Este foi o bolo que fiz para o aniversário do blog, um bolo com várias camadas, todas a combinarem na perfeição.
Pelo tamanho da publicação, parece ser complicado de fazer, mas não é. 
O que dá mais trabalho é ter que se deixar arrefecer para executarmos a próxima etapa.
Mas no final o trabalho compensa porque o resultado é divinal.




Ingredientes:
6- ovos
250g- de açúcar
200g- de fécula de batata
1- colher de chá de fermento em pó
1- colher de sopa de vinagre branco
- manteiga para untar e farinha para polvilhar 
1- placa de massa folhada rectângular
1- caixinha de morangos
3- pacotes de natas 
- açúcar q.b.
- aroma de baunilha q.b.
1/2- limão
1-pacote de doce de ovos de compra (mais os ingredientes para a sua preparação conforme a embalagem)
(calda)
1- chávena de chá água
1/2- chávena de chá de açúcar

Preparação:
Batem-se as gemas com o açúcar até a massa ficar branca e solta. Junta-se a fécula e o fermento lentamente, batendo-se até se desfazer tudo muito bem.
Acrescenta-se o vinagre e continua-se a bater.
No fim, batem-se as claras em castelo e juntam-se suavemente até estar tudo bem envolvido.
Deita-se a massa numa forma redonda, sem buraco, previamente e untada com manteiga e polvilhada com farinha.
Leva-se ao forno previamente aquecido a 180º até estar cozido.
Desenforma-se o bolo e deixa-se arrefecer.
De seguida, prepara-se a calda para regar o bolo, numa panela, mistura-se o açúcar e a água.
Leva-se ao fogo médio até levantar fervura e derreter o açúcar, reserva-se até arrefecer por completo.
Entretanto, prepara-se o doce do ovos conforme as instruções da embalagem e deixa-se arrefecer também.
Pega-se na massa folhada, pica-se com um garfo e leva-se ao forno até estar cozida e dourada.
Cortam-se os morangos aos bocadinhos, deixando-se alguns para a decoração, polvilham-se com açúcar e reservam-se até o açúcar derreter. 
Depois de tudo frio, bate-se um pacote de natas com açúcar a gosto, a baunilha e algumas gotas de sumo de limão até ficar em chantilly forte.
Corta-se o bolo ao meio, rega-se a metade inferior com um pouco de calda (não é preciso muita porque os morangos também têm calda), espalham-se os morangos e a própria calda por cima e cobre-se com o chantilly.
Pega-se na massa folhada, corta-se um circulo do tamanho do bolo e coloca-se por cima da camada de chantilly, o que sobrou da massa folhada reserva-se para a decoração.
Barra-se o cimo da massa folhada com o creme de ovos e cobre-se com a outra metade do bolo, regada com a calda.
Depois de montado, leva-se o bolo ao frio cerca de 4 horas.
Por fim, batem-se os outros dois pacotes de natas com açúcar a gosto, a baunilha e o restante de sumo de limão até ficarem em chantilly forte. 
Desfaz-se em migalhas a massa folhada que sobrou,
Retira-se o bolo do frio, cobre-se com as natas batidas e decora-se a gosto com os morangos reservados e a massa folhada.
Leva-se ao frio até servir.



segunda-feira, 26 de março de 2018

Aniversário do blog



Hoje o blog faz 9 anos de existência e para assinalar a data tinha que haver bolo, publico a receita amanhã.

Aproveito para agradecer a todos que de uma maneira ou de outra fazem parte deste meu cantinho.

Obrigada

terça-feira, 13 de março de 2018

Croissants folhados de Nutella


Não é nenhuma novidade, mas deixo como sugestão para aqueles dias em que nos apetece um docinho.




Ingredientes:
1- placa de massa folhada redonda 
- Nutella q.b.
1- ovo para pincelar
- açúcar em pó para polvilhar

Preparação:
Liga-se o forno nos 220ºg.
Corta-se a massa folhada como se fosse uma pizza, eu cortei em 4 partes, quem quiser pode cortar em mais.
Recheia-se cada fatia com a Nutella e enrola-se da parte mais larga à mais estreita.
Pincelam-se os croissants com o ovo batido e levam-se ao forno até a massa estar cozida e dourada.
Retiram-se do forno, polvilham-se com o açúcar em pó e servem-se quentes ou frios.

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Bolo de laranja, canela e noz


Fofo e sabores que combinam na perfeição.




Ingredientes:
1- colher de sobremesa de canela
200g- de farinha
1- colher de chá de fermento em pó
1dl- de óleo 
150g- de açúcar
- sumo de 1 laranja
3- ovos
- nozes q.b. picadas grosseiramente 
- margarina para untar
- farinha para polvilhar

Preparação:
Unta-se uma forma (não muito grande) de buraco no meio com margarina e polvilha-se com farinha. 
Liga-se o forno a 180° C. 
Batem-se os ovos com o açúcar, adiciona-se o óleo e o sumo da laranja e bate-se mais um pouco.
Acrescente a canela, a farinha e o fermento e continua-se a bater até a massa ficar lisa. Juntam-se as nozes e misturam-se sem bater.
Deita-se a massa na forma e leva-se ao forno até o bolo estar cozido, fazer o teste do palito.
Deixa-se arrefecer um pouco e desenforma-se.

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Frango com natas


E assim se faz um prato bastante apetitoso aproveitando-se as sobras de frango cozinhado.





Ingredientes:
1/2- frango cozido ou assado
- batatas cortadas aos cubos
- óleo para fritar as batatas
2- cebolas médias 
3- dentes de alho
1- folha de louro
- azeite q.b.
- sal q.b.
- pimenta q.b.
1- pacote de natas para culinária
1- pacote de bechamel dos grandes 
- queijo Mozzarella ralado q.b.

Preparação:
Desfia-se o frango e reserva-se.
No óleo, fritam-se as batatas  temperadas com um pouco de sal e reservam-se
Leva-se ao lume o azeite com as cebolas cortadas em meias luas, o alho picado e a folha de louro e tempera-se com uma pitada de sal e pimenta.
Quando a cebola estiver loura, retira-se o louro,  junta-se o frango  e deixa-se refogar um pouco. 
De seguida, acrescentam-se as batatas, mistura-se muito bem e deixa-se cozinhar mais um bocadinho.
Entretanto, misturam-se as natas e o bechamel e acrescenta-se metade desta mistura no frango e mais uma vez mexe-se muito bem e deixa-se cozinhar por alguns segundos.
Deita-se o refogado num pirex e cobre-se com o restante bechamel, polvilha-se com o queijo ralado e leva-se ao forno a gratinar.

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Mousse de frutos vermelhos


Simples, saborosa e pouco calórica.
Receita adaptada da "Activia"





Ingredientes:
250ml- de água a ferver
2- saquetas de gelatina de morango
3- iogurtes líquidos de frutos silvestres

Preparação:
Prepara-se a gelatina com a água a ferver e deixa-se arrefecer.
De seguida, com a varinha mágica ou com uma batedeira, misturam-se os iogurtes com a gelatina.
Deita-se a mousse numa taça, ou em taças individuais e leva-se ao frio até solidificar.

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

Licor de ananás


Aproveitei as cascas do ananás do Natal para fazer este licor, já o fiz variadíssimas vezes, mas desta vez ao contrário das anteriores, antes de juntar a calda deixei-a arrefecer. 





Ingredientes:
- casca e caroço de ananás
1L- de aguardante
1/2L- de água
1/2Kg- de açúcar

Preparação:
Num frasco, grande e de boca larga, deitam-se as cascas, o caroço e a aguardente. Tapa-se muito bem e guarda-se num local escuro no minimo um mês. 
Passado esse tempo filtra-se a aguardente de maneira que fique bem limpa. 
Prepara-se a calda, levando-se a água e o açúcar ao lume, deixando-se ferver. Desliga-se o lume e deixa-se arrefecer.
Depois da calda estar fria mistura-se com a aguardente, deita-se o licor em garrafas e deixa-se repousar mais uns dias antes de se provar.

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Flor de chila e leite creme





Só vou descrever esta receita numa só palavra Perdição, é o que este brioche é, uma verdadeira perdição.




Ingredientes:
250g- de leite 
125g- de manteiga
1- saqueta de fermento de padeiro em pó ( as quantidades dependem da marca)  
2- ovos 
500g- de farinha T 65 
1- colher de café de sal
2- colheres de sopa de açúcar
500ml- de leite para o leite creme
1- carteira de leite creme 
- açúcar para o leite creme (as quantidades conforme as instruções da embalagem)
1- frasco de doce de chila 
- manteiga para untar e farinha para polvilhar 
- mel q.b. para pincelar

Preparação (máquina de fazer pão):
Faz-se o leite creme com o meio litro de leite e o açúcar conforme as instruções da embalagem e deixa-se arrefecer por completo.
De seguida, derrete-se a manteiga, e mistura-se com  leite, os ovos batidos o açúcar e o sal.
Deita-se esta mistura na cuba da máquina, acrescenta-se a farinha e o fermento e programa-se para massas.
Depois do programa terminar retira-se a massa para um recipiente enfarinhado e deixa-se levedar em local quente até duplicar de volume.
Unta-se uma forma redonda com manteiga e polvilha-se com farinha. 
Estende-se a massa com o rolo numa superfície enfarinhada, em forma de um rectângulo.
Recheia-se com o doce de chila (deixa-se um pouco para o fim) e o leite creme (deixa-se, também, algum para o fim) e corta-se em partes iguais. 
Colocam-se na forma distanciadas umas das outras, uma no centro e as restantes ao seu redor, formando-se uma flor. 
Deixa-se levedar até aumentarem de volume.
Depois da massa levedada cobre-se o cimo de cada parte com o restante leite creme e leva-se ao forno, a 180º, até estar cozido e dourado.
Desenforma-se ainda quente, cobre-se com o doce de chila reservado e pincela-se com o mel para dar brilho.

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Hambúrgueres no forno com molho de cogumelos


Uma maneira diferente de servir hambúrgueres, a receita é adaptada da Teleculinária.




Ingredientes:
4- hambúrgueres
1- embalagem de cogumelos
2- dentes de alho
4- colheres de sopa de azeite
1- colher de sopa de molho de cogumelos
1dl- de vinho do Porto
2dl- de água
- salsa q.b.
- sal e pimenta q.b.

Preparação:
Colocam-se os hambúrgueres num pirex e temperam-se com sal e pimenta, regam-se com metade do azeite e levam-se ao forno a 180°C até que fiquem assados.
Descascam-se os dentes de alho e picam-se finamente. 
Leva-se uma frigideira ao lume com o restante azeite, junta-se o alho e deixa-se refogar até que fique dourado. 
Juntam-se os cogumelos, previamente lavados e laminados, e deixam-se saltear um pouco, mexendo de vez em quando, até que fiquem macios.
Deita-se o vinho do Porto e deixa-se fervilhar um pouco.
Acrescenta-se o molho de cogumelos dissolvido na água, mexe-se bem e deixa-se cozinhar até engrossar. 
Rectificam-se os temperos, retira-se do lume e dispõem-se por cima dos hambúrgueres. 
Polvilha-se com salsa picada e serve-se com acompanhamento a gosto.

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Caracóis de canela


Há dias que começam assim, saborosos e aromáticos. E foi com estes tons e sabores que começou o meu.
Esta receita foi adaptada do blog "As minhas receitas".




Ingredientes:
(massa)
125 ml- de leite morno
1- saqueta de fermento de padeiro granulado
2- colheres de sopa de açúcar
1- ovo batido
250g- de farinha (pode ser necessária mais)
60g-  de manteiga
- leite pincelar
-óleo para untar
- farinha para polvilhar

(recheio)
60g- de manteiga
60g- de açúcar
2- colheres de chá de canela

(cobertura)
50ml- de leite
2- colheres de sopa de açúcar
1- colher de chá de canela

Preparação (máquina do pão):
Para a massa:
Mistura-se o leite morno, a manteiga derretida, o ovo e o açúcar e deita-se esta mistura na cuba, de seguida, acrescenta-se a farinha e o fermento.
Programa-se a máquina para amassar.
Depois do ciclo estar concluído, transfere-se a massa para uma tigela untada com óleo, (se a massa se colar muito às mãos acrescenta-se mais farinha e amassa-se até a massa se descolar das mãos), tapa-se com papel aderente e deixa-se levedar num local quente durante uma hora.
Aquece-se o forno a 180ºC. 
Forra-se um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal.
Coloca-se a massa na bancada previamente polvilhada com farinha e estende-se  de modo a formar um rectângulo. 
Faz-se o recheio misturando-se a manteiga derretida com o açúcar e a canela. Espalha-se toda a mistura sobre a superfície da massa e enrola-se como se fosse uma torta, começando-se pela parte mais comprida. Corta-se em fatias da espessura de 3 dedos.
Dispõem-se as fatias lado a lado com a parte cortada virada para cima no tabuleiro. 
Pincela-se com leite por cima e deixam-se os caracóis a levedarem mais 30 minutos longe das correntes de ar.
Levam-se ao forno até estarem dourados.
Entretanto, prepara-se a cobertura levando-se o leite a aquecer com o açúcar e a canela até começar a ferver.
Deixa-se arrefecer e assim que se retirarem  do forno pincelam-se com a cobertura.

Para a preparação da massa sem máquina de fazer pão, amassam-se todos os ingredientes com as mãos ou com a batedeira eléctrica com as pás da massa.